Hacker francês é preso após infectar 17 mil smartphones

Um criminoso de 20 anos foi preso em Amiens, na França, acusado de enviar malwares para cerca de 17 mil smartphones e roubar aproximadamente 500 mil euros (ou R$ 1,3 milhão) das vítimas infectadas.

O rapaz não teve seu nome divulgado e atuava desde 2011 ao inserir apps na loja virtual do Android que tinham nome, descrição e imagem muito parecidos com serviços e games consagrados para smartphones e tablets, mas não passavam de vírus.

Após baixar a cópia errada, o infectado perdia com o tempo dados como senhas bancárias, de sites de apostas ou compras online, garantindo o lucro do jovem hacker.

O acusado confessou os crimes e afirmou que nunca estudou nada relacionado à computação, mas foi descrito como “incrivelmente inteligente” pela polícia local. Ele ainda disse que o dinheiro não era o motivo, mas sim a paixão pela tecnologia e a vontade de ser um desenvolvedor de softwares.

Fonte: BBC

 

9 pensamentos sobre “Hacker francês é preso após infectar 17 mil smartphones

Os comentários estão desativados.