Redes Socias


O Facebook pode estar com seus dias contados!

Calma aí! Também não precisa se desesperar em perder o seu perfil e o tanto de amigos que fez na rede social de Mark Zuckerberg, entretanto se a previsão do analista Eric Jackson estiver correta, o gigante das redes sociais não passa de 2020.

Eric tem como base o que aconteceu com o portal do Yahoo há alguns anos atrás, pois no fim da década de 90 a empresa conquistou grande prestígio mas isso não foi suficiente já que hoje o Yahoo beira o esquecimento total, mantendo apenas 10% do capital que detinha no início dos anos 2000.

Segundo o analista uma das causa que pode prejudicar o Facebook é a tentativa de se adaptar ao mundo móvel, que fica muito bem exemplificado na recente aquisição do Instagram e isso pode matar a rede, pois o crescimento das plataformas móveis e o surgimento de novos aplicativos vai culminar em um enfraquecimento acentuado do Facebook, uma empresa construída sobre o paradigma de um website.

Vale lembrar que quando as ações do Facebook foram disponibilizadas na bolsa de valores este ano, cada uma estava avaliada em cerca de US$ 38 e hoje não passam de US$ 26,90.

“O mundo está mudando mais rápido, se tornando mais competitivo. Eu acho que aqueles que foram dominantes em uma geração anterior terão dificuldades para migrar para um novo tempo. O Facebook pode comprar um monte deempresas novas, mas eles ainda serão um website, grande e gordo, o que é diferente de um aplicativo móvel”, afirma Eric.

Curiosidades - Botão não curtir é vírus

Para alertar os apressadinhos de plantão, ao acessar a opção “Dislike” você estará permitindo que as suas informações, como senhas e fotos, que você tirou para o seu namorado, sejam roubadas… Depois não adianta reclamar!

Até então o Facebook só anunciou a remoção dos falsos aplicativos, mas ainda não teve nenhuma atitude para erradicar a proliferação do vírus!

Fique atento!

http://www.facebook.com.br

Facebook passa a destacar casamentos dos seus amigos no feed de notícias

Casamentos agora serão destacados no menu do lado direito (Foto: Reprodução)

Você nunca mais perderá o casamento de um amigo por esquecer a data se entrar noFacebook constantemente. A rede social anunciou, nesta semana, uma nova ferramenta chamada “Casamentos e Celebrações”, que destaca os casórios no seu feed de notícias. A funcionalidade é bem parecida com a de lembrar aniversários e mostrará, no canto direito superior de sua página principal, as mudanças de status de relacionamento para “Noivos” ou “Casados”

Assim, será possível deixar os parabéns para os novos pombinhos. Sempre que alguém conhecido mudar seu status para “noivo” ou “casado”, haverá um destaque no seu feed de notícias. Um representante do Facebook explicou a novidade em entrevista ao site “CNET”. De acordo com ele, a rede social cria uma maneira única para as pessoas compartilharem sentimentos e darem os parabéns a seus amigos por seus feitos. E, como o casamento é um dos momentos mais importantes da vida de alguém, isso merecia uma importância.

“Criamos esta ferramenta para garantir que você possa estar sempre de olho neste tipo de atividade, para garantir que nunca perca a oportunidade de compartilhar a alegria de seu amigo e parabenizá-lo pelo seu novo estado civil”, comentou.

Esta novidade é apenas mais uma no repaginamento na área de eventos do Facebook, que adicionou um novo calendário e uma nova lista para permitir que o usuário tenha uma espécie de planejamento sobre quais compromissos terá nos próximos meses. A rede social de Mark Zuckerberg não para de realizar pequenas mudanças para se manter sempre atualizada. Ao que tudo indica, o site de relacionamento quer se manter no topo ainda por muito tempo.

Facebook monitora conversas para denunciar

‘comportamentos suspeitos’

Privacidade está em xeque no Facebook (Foto: Reprodução)

Pode não parecer, mas o Facebook está de olho em você. O diretor de segurança da companhia, Joe Sullivan, revelou em entrevista à agência de notícias Reuters, que a rede social implantou uma espécie de filtro nos bate-papos entre os usuários. Com o pretexto de monitorar possíveis atividades suspeitas, o sistema cria alertas quando há conteúdos inadequados em conversas e, dependendo do caso, recomenda que um funcionário entre em contato com a polícia.

O foco do software está em bate-papos entre membros que não têm muito contato no Facebook e, de repente, começam a conversar. Este pode ser um indício de ameaça, chantagem, bullying ou algo do tipo. O programa é uma espécie de scanner que procura por certas frases relacionadas a crimes como pedofilia, por exemplo. Em um caso exemplificado pela Reuters, um homem de 30 anos foi detido após fazer insinuações sexuais para uma menina de 13.

“A tecnologia do Facebook automaticamente identificou o rapaz, que havia marcado de encontrar a menina após a escola no dia seguinte, e avisou para um funcionário chamar a polícia. As autoridades foram à casa da menina, analisaram o PC e prenderam o homem no dia seguinte”, diz o artigo.

Ainda não há muitos detalhes sobre esta ferramenta, até pelo fato de o Facebook não querer divulgá-la para evitar que os criminosos saibam como burlar o monitor. Além, é claro, de evitar a polêmica por estar bisbilhotando os bate-papos alheios. No entanto, uma coisa é certa: este é mais um passo da rede social de Mark Zuckerberg para auxiliar na proteção aos seus usuários.

“Nunca quisemos fazer com que os empregados olhassem conversas pessoais, então é importante que usemos essa tecnologia com muito cuidado e somente nos casos em que realmente se fizer necessário”, explicou Sullivan.

Estudo diz que 93% dos empregadores checam perfis dos

candidatos no LinkedIn

Gráfico mostra evolução do uso das redes sociais para contratar funcionários (Foto: Reprodução)

Se você não tem um perfil no LinkedIn e está em busca de emprego, talvez seja uma boa ideia fazer parte desse site. De acordo com um recente estudo da empresa Jobvite, 93% dos empregadores fazem pesquisas na rede social para encontrar candidatos qualificados. O número aumentou em 6% se comparado com o ano passado e 15% em relação a 2010.

Este dado só confirma a grande influência da web em processos de seleção. Até mesmo os perfis do Facebook estão sendo bastante visualizados por empregadores (66%). E no Twitter idem (54%). Ou seja, ao entregar um currículo em uma empresa, saiba que não é nem um pouco difícil que todos os seus perfis em redes sociais serão “virados de cabeça para baixo” pelos recrutadores.

O curioso é que não somente pessoas que já se candidatam ao cargo são rastreadas nas redes sociais. De acordo com a pesquisa, 73% dos empregadores admitem que também usaram os sites de relacionamento para fazer buscas sobre possíveis novos funcionários. E, neste grupo, 89% confirmam que encontraram novos empregados fazendo pesquisas no LinkedIn. Interessante, não?

“O aumento no recrutamento social tem permitido aos candidatos e empregadores uma maneira mais fácil de encontrar a melhor combinação. Continuamos a ver a popularidade que ganhou a rede social de recrutamento porque ela é mais eficiente do que peneirar vários currículos”, avaliou o CEO da Jobvite, Dan Finnigan.

Facebook vai bater de frente com o LinkedIn com quadro de

vagas de emprego

Ciente do sucesso do LinkedIn, o Facebook está planejando também “entrar no mercado” dos negócios. De acordo com informações do site Mashable, nos próximos meses a rede social irá lançar um “Quadro de Empregos”. A ideia é divulgar vagas de trabalho em empresas parceiras por meio de uma página diferenciada. Três companhias que já utilizam o site com este propósito estariam na jogada: BranchOutWork4 Lab e Jobvite.

Segundo o Mashable, uma fonte ligada ao Facebook detalhou o projeto ao Dow Jones. Ao que tudo indica, o LinkedIn pode ficar tranquilo, pois o Facebook não tem intenção de se transformar em uma rede social focada em business. Pelo contrário. A ideia é apenas adicionar mais uma opção a uma rede social que fica cada vez mais completa. No entanto, como o Facebook já é preferido por muitos usuários e empregadores se comparado ao LinkedIn, isso pode sim significar uma queda no site dedicado aos negócios.

Ainda não se sabe, porém, se a exibição das vagas de emprego será feita no feed de notícias ou em uma aba separada, e nem mesmo se o serviço estará disponível em todos os países. As informações ainda estão no campo do rumor. De qualquer forma, a expectativa é de que, até o fim de 2012, tudo se torne oficial e comece a funcionar.

Vale destacar que, recentemente, o Ministério do Trabalho dos EUA fechou uma parceria com a rede social de Mark Zuckerberg para a criação de um portal destinado à busca de empregos, oferecendo vagas de trabalho e cursos profissionalizantes. Além disso, o Facebook se comprometeu a realizar pesquisas sobre mercado, empresas, redes sociais e faculdades.

 
 

Twitter passa a requisitar confirmação de idade para seguir

marcas ‘adultas’

Confirmação de idade no Twitter vai aumentar segurança (Foto: Reprodução/Twitter)

O Twitter ativou nessa quinta-feira (12) uma nova funcionalidade no microblog que deve proteger seus usuários menores de idade. A partir de hoje quem for cadastrado no serviço, terá que confirmar sua idade antes de seguir marcas consideradas “adultas”, como por exemplo marcas de bebida.

O problema é que o Twitter não pede a idade na hora do cadastro dos seus usuários, então não havia forma de automatizar esse processo. Para isso a rede social criou uma parceria com a chamada Buddy Media, especialista no assunto. São eles que fazem todo o processo de verificação de idade.

O processo, chamado Age Screening (ou Verificação de idade, em tradução livre) vai funcionar da seguinte maneira: ao tentar seguir uma marca adulta, o usuário vai receber uma DM daquela marca contendo o link. Ele deve acessar esse link e confirmar ser maior de idade para que os tweets daquela marca passem a aparecer na sua timeline.

Se o usuário for menor de idade, um aviso será mostrado dizendo que o usuário não e a conta da marca automaticamente bloqueia o usuário que requisitou seguí-la. Caso o usuário seja maior de idade mas tenha, por acidente, inserido a data errada será possível tentar seguir novamente aquela marca dentro de 24 horas após a última requisição.

Criminoso cara de pau ‘curte’ a própria foto em Facebook da

polícia

Criminoso tirou onda com a polícia no Facebook (Foto: Reprodução)

Um criminoso viu uma publicação no Facebook em que o departamento de polícia de Tauhara Paetiki, na Nova Zelândia, pedia a ajuda dos cidadãos para capturar um fora da lei. Destemido, Michael Shane Hagger, de 34 anos, “curtiu” e ainda deixou um comentário com uma risada. Ogrande detalhe: o criminoso buscado era o próprio Hagger.

O caso aconteceu no dia 29 de junho e o comentário do rapaz, que depois foi deletado, ganhou mais de 50 curtidas. O curioso é que, depois disso, os policiais ainda comentaram no mesmo status e enviaram uma mensagem privada para Hagger, pedindo que ele se apresentasse à polícia e desse uma explicação sobre os mandados de prisão emitidos contra ele. Mas não houve resposta, é claro.

“Se ele quis tripudiar da polícia, claramente subestimou o poder das redes sociais. Agora, ele atraiu atenção de todo o país e aumentou as nossas chances de encontrá-lo. Seria mais sábio se ele tivesse aceitado conversar sobre o assunto na delegacia”, avaliou o sargento Tony Jeurissen. Apesar da confiança do policial, Hagger segue foragido.

Mulheres são a maioria no Facebook, Twitter e Pinterest,

revela pesquisa

O Facebook é delas, diz pesquisa (Foto: Reprodução)

As mulheres estão dominando o mundo virtual. De acordo com uma pesquisa feita pelo siteDigital Flash, de Nova York, elas já são ampla maioria em alguns dos maiores serviços online do mundo, como Twitter e Facebook. Até entre os gamers da Zynga, mercado que teoricamente parece dominado pelos homens, as mulheres são as maiores consumidoras.

Segundo os dados do infográfico divulgado pelo site Mashable, o Twitter tem 64% de usuários femininos nos Estados Unidos. O número cai um pouco no Facebook, mas ainda é maioria: 58%. No Pinterest, porém, é que o domínio é mais amplo: 82% de quem utiliza a página de imagens são mulheres.

Nenhum dado impressiona mais do que a análise da Zynga, uma das maiores empresasde games online do mundo: 60% de quem acessa os produtos da empresa é do sexo feminino – mulheres de 55 anos ou mais, inclusive, formam um grupo maior do que o dos meninos de 15 a 24 anos, por exemplo. 

As mulheres também fazem mais logins diários e atualizam mais suas contas do que os homens, que só são maioria no Reddit (84%), Google++ (71%) e LinkedIn (63%).

Ou seja, as mulheres são usuárias muito mais ativas das redes sociais nos EUA, totalizando incríveis 99 milhões de visitas a mais, por mês, do que os homens.

Diretora do Facebook é a primeira mulher no conselho da

rede social

Sheryl Sandberg (Foto: Reprodução)

O Facebook nomeou no final da tarde desta segunda-feira (25), a primeira mulher a fazer parte do conselho da empresa. Sheryl Sandberg é chefe de operações na rede social e seu trabalho inclui a supervisão de áreas como vendas, marketing, negócios, jurídico, recursos humanos, politicas públicas e comunicação. Ela é economista e tem grande experiência na administração de grandes

Segundo Mark Zuckerberg, CEO e fundador do Facebook, Sheryl é uma figura importantíssima no crescimento e sucesso da empresa ao longo dos anos. “Sheryl tem sido minha parceira na execução do Facebook a anos e seu trabalho é fundamental para o crescimento da empresa” disse Zuckerberg em nota. De acordo com o Mark, a chegada dela no conselho administrativo só chega como um fator de mudança de cargo, pois sua experiência e compreensão de grupo sempre fizeram parte do seu trabalho.

Antes de trabalhar no Facebook, Sandberg foi vice-presidente de vendas globais e operações do Google, chefe de gabinete do Departamento de Tesouro Americano e no Banco Mundial. A economista tem uma longa carreira a frente de negócios importantes e esta não é a primeira vez que faz parte de um conselho administrativo. Sheryl também participa ativamente nos conselhos de empresas como The Walt Disney Company, Women for Women Internatinal e de um Centro de Desenvolvimento Global.

Em nota ela afirmou que trabalhar todos os dias para tornar o mundo mais aberto e conectado e que o cargo no conselho do Facebook é algo que a deixou muito feliz por que lá ela se sente parte de uma equipe que está tendo um impacto muito profundo na mudança do mundo em que vivemos. Os membros do conselho do Facebook agora são: Mark Zuckerberg – CEO da Empesa; Marc Andreessen L; Erskine B. Bowles; Andreessen Horowitz – presidente da Universidade da Carolina do Norte; James W. Nreyer; Accel Partners; Donald E. Graham – CEO do The Washington Post; Reed Hastings – Presidente da Netflix; Peter A. Thiel – da Founders Fund e a primeira mulher Sheryl Sandberg.

empresas.

Tuítes com fotos de mulheres seminuas na cama viram mania

entre homens

Uma das fotos que causaram polêmica entre as mulheres (Foto: Reprodução)

A hashtag #bedofshame ou “cama da vergonha” está dando o que falar no Twitter. Os tuiteiros que a utilizam publicam fotos ao lado de suas parceiras sexuais de uma noite no microblog. Nas imagens, os rapazes sorriem e se gabam enquanto as mulheres estão adormecidas. A mania teve início com o ator Gary Beadle, que brincou com seus seguidores após publicar uma foto dessas e indagar: “Quem mais vai fazer o mesmo?” Pelo visto, muita gente.

Mas nem tudo ficou na brincadeira. Conforme as imagens foram se proliferando, muitas mulheres indignadas começaram a reclamar pelo próprio Twitter, acusando Beadle e seus seguidores de serem nojentos e desrespeitosos. A polêmica foi grande e o rapaz, que trabalha na MTV, emitiu uma nota oficial pedindo desculpas e garantindo que não teve intenção de ofender ninguém. Além disso, o ator pediu ainda que seus seguidores apagassem as fotos que postaram.

Os homens, no entanto, não gostaram da reação. Segundo boa parte deles, não há mal nenhum nas fotos. Os usuários que publicaram as imagens afirmam que são apenas brincadeiras e que sequer ofendem as mulheres porque, na grande maioria dos cliques, elas estão dormindo de costas para a câmera. As imagens costumam ser de rapazes solteiros, que tiveram uma relação não muito séria e resolveram “tirar onda” na web.

Outras fotos polêmicas do #bedofshame (Foto: Reprodução)

Jogador de beisebol usa Twitter para encontrar ‘mulher

solteira e sexy’

Gio Gonzalez  (Foto: Reprodução)

O lançador do time de beisebol Washington Nationals, Gio Gonzalez, de 26 anos, publicou em seu Twitter no dia 13 de junho que estava à procura de uma companheira para uma festa de gala, marcada para o último dia 23. O jogador acrescentou ainda que as candidatas precisavam ter 21 anos ou mais.

Hey, eu preciso de companhia para uma festa de gala no sábado à noite, alguma garota solteira e sexy interessada?”, dizia o tuíte. A inusitada publicação, porém, foi deletada por Gonzalez horas depois.

Entre as dezenas de pessoas que retuitaram o post do jogador, estava o companheiro de time Tyler Clippard, que fez piada com o caso. Não se sabe se Gonzalez conseguiu ou não encontrar alguém para acompanhá-lo. No entanto, não faltaram ofertas de companhia para o lançador. “Eu acho que estou disponível no sábado à noite”, dizia um dos tuítes. 

Gonzalez não é o primeiro a apelar para o Twitter para recrutar uma companhia romântica. O estudante americano Mike Stone usou o serviço do microblog para convocar possíveis companheiras para seu baile de formatura. Na época, Stone teria combinado de levar a atriz pornô Megan Piper à festa, mas teria sido proibido pela escola em que estudava.

http://www.baratonline.net

Comediante é banido do Facebook por postar foto de homem

nu

Banido: Chris Lilley não se abate com a critica (Foto: Reprodução/Ap)

O comediante Chris Lilley, de 37 anos, foi banido do Facebook por 30 dias. A estrela da série de TV americana “Angry Boys” recebeu a proibição após publicar, neste mês, uma foto dos testículos de um fã na rede social.

Tudo começou um ano atrás, quando Lilley criou o meme Sneaky Nuts, que incentiva homens a mandarem fotos de seus testículos em ocasiões importantes, como um casamento, para o seu programa de TV. A publicação de uma destas fotografias na rede social, porém, foi denunciada por um usuário. A reclamação foi analisada pelo pessoal do Facebook, e gerou nada menos do que um mês sem poder entrar no site.

Banido do Facebook porque alguém denunciou uma foto da brincadeira dos testículos. Continue me acompanhando pelo meu Instagram e Tumblr”, disse no Twitter. Mesmo com a exclusão da rede social, o comediante parece não ter se importado muito e continuou incentivando os fãs a mandarem as imagens.

Diversas pessoas, que gostam da piada, começaram a twiitar a hashtag#FreeChrisLilleysNuts. A palavra “nuts” pode ter dois significados nesta frase: “loucura” (“Liberte as Loucuras de Chris Lilley”), ou ainda uma forma popular para descrever “testículos”.

Logo após ter sua conta pessoal bloqueada, Lilley não pensou muito e criou uma fan page alternativa para continuar usando o Facebook para divulgar suas piadas. A rede social afirma que tomou a decisão baseada na Declaração de Direitos e Responsabilidades da empresa.

3 pensamentos sobre “Redes Socias

  1. My partner and I stumbled over here from a different website and thought I should check things out. I like what I see so i am just following you. Look forward to finding out about your web page yet again.

Expresse suas opiniões (Comente) com a Mega Curioso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s